quarta-feira, 7 de outubro de 2015

CORDEL NO MARANHÃO

Paulo de Tarso, Wilson Marques, Arievaldo, Luanderson (da Editora PAULUS)
e dona Raimunda Frazão, patrona do espaço do cordel na Feira de São Luís.


Dando sequência ao trabalho que venho realizando para o IPHAN em prol do registro da Literatura de Cordel / Cantoria / Xilogravura e Coco de Embolada como Patrimônio Imaterial do Povo Brasileiro, estivemos na capital do estado do Maranhão no período de 02 a 06 de outubro, conversando com poetas que vieram participar da 9ª FELIS (Feira do Livro de São Luís). Eis a relação dos poetas entrevistados:

Poetas Adauto França, Wilson Marques e Paulinho Nó Cego


1 – Moizes Raimundo Lobato Nobre (MOIZES NOBRE)  15 minutos, áudio e vídeo.
2 – Adauto da Silva FRANÇA – 11 minutos, áudio e vídeo.
3 – Raimunda Pinheiro de Sousa Frazão – áudio e vídeo, 12 minutos.
4 – Beto Scanssete (Carlos Alberto Scanssette Fernandes) – Áudio e vídeo, 26 minutos.
5 – Antônio Ferreira (Cantador) – áudio e fotos – 5:05 minutos.
6 – Wilson Marques (escritor e cordelista) áudio, vídeo e fotos – 22 minutos.
7 – Áudio e fotos do debate de Aderaldo Luciano, Paulinho Nó Cego, Raimunda Frazão e Moizés Nobre – Aproximadamente, 1 hora e 20 minutos.
8 – Goreth Pereira – Áudio, fotos, vídeo – Aproximadamente 15 minutos.

9 – Paulo Roberto Gomes Leite Vieira – Paulinho Nó Cego, áudio, vídeo e fotos – aproximadamente 15 minutos de entrevista.

Livros e folhetos adquiridos no Maranhão

Stand do escritor Wilson Marques, com Paulo de Tarso,
Marinaldo e William Brito, da Academia de Cordelistas do Crato


Com os poetas Raimunda Frazão e Moizes Nobre

Debate sobre cordel com os poetas Raimunda Frazão,
Aderaldo Luciano, Paulinho Nó Cego e Moizes Nobre.